Por que uma alimentação saudável não é garantia de uma boa saúde?

Por que uma alimentação saudável não é garantia de uma boa saúde?

Além de uma quantidade e qualidade ideal nutrientes, é fundamental que ocorra condições químicas e fisiológicas ideais para o alimento ser quebrado, absorvidos transportados e utilizados pelas células.

Também é fundamental que o organismo consiga excretar o que não lhe serve e o que lhe é tóxico.

Quando uma dessas etapas do metabolismo não funciona corretamente, o organismo fica com suas funções comprometidas, ocasionando carências nutricionais e funcionais.

O processo metabólico é o mais essencial do corpo, mas você sabe da onde partem todas as instruções para o seu funcionamento?

Do CÉREBRO!

O cérebro gerencia todo o sistema de produção, distribuição e utilização de energia, assim como a construção, manutenção e reparação do organismo.

Ele contribui com apenas 2% do peso do corpo, porém necessita de 20% do oxigênio que consumimos e até 30% de toda a energia que obtemos dos alimentos e, por não dispor de grandes reservas dessa energia, depende de sua reposição através de nutrientes a cada 3h aproximadamente para realizar sua função com êxito!

O sistema respiratório e o digestório, nosso segundo cérebro, (compostos pela boca, esôfago, estômago, intestino, fígado, vesícula biliar, pâncreas e rins) também são fundamentais para o seu bom funcionamento.

Você percebe o quanto esse processo é complexo e o quanto é importante a realização de uma avaliação nutricional periódica?

Camila Laranja

Deixe uma resposta